FELICIDADE

Vivemos à procura da felicidade.

As crianças procuram nas suas histórias mirabolantes de bonecas, nas competições de corrida e brincadeiras. Os jovens procuram no par perfeito, no sexo, nas drogas e nas amizades que muitas vezes são passageiras. Os adultos, como seres maduros que são, continuam buscando a felicidade nos relacionamentos e no dinheiro.

Por que será que parece que alguns encontraram e outros não? Por quanto será que ela está sendo vendida e o que eu faço para ter pelo menos um pouquinho? A felicidade está nas etiquetas caras, nas garrafas vazias e nas noites de prazer?

Enquanto estamos olhando para vida da forma mais superficial possível, Deus sussurra a direção. Não adianta pensar que conseguiremos ser felizes sem encontrar o nosso propósito ou sem preencher esse vazio que todos nós temos quando olhamos para a vida e não entendemos seu sentido.

Esse vazio que temos é do tamanho da cruz e só conseguiremos realmente encontrar a felicidade quando entendermos o que a cruz significa para a nossa vida. Deus não nos dá uma vida perfeita e sem tristezas, mas uma vida de paz e com propósito. Jesus é o único caminho e não adianta ficarmos tentando construir outros.

Pode parecer loucura para você que não é cristão ler isso, mas Jesus pode verdadeiramente transformar a sua vida. Não porque Ele vai poder dar dinheiro, fama, um casamento ou um cargo importante. Mas, porque só Ele e verdadeiramente Nele existe a paz. O álcool vai trazer uma felicidade falsa e passageira, o dinheiro pode até dar uma satisfação momentânea e fama um carinho no ego, mas o preenchimento de vazio e a alegria vem quando encontramos o caminho, a verdade e a vida.

Quando temos Deus, fazemos assim como Paulo: aprendemos a viver contentes. Sim, aprendemos. Não é natural em nós, é uma decisão e precisamos praticar. No meio do desespero, escolhemos confiar no Pastor. No meio da dor, decidimos lembrar do Senhor. No meio da vida, nos alegramos no nosso Salvador.

Na próxima vez que estiver difícil de achar a felicidade, lembre-se que ela não é algo e muito menos um lugar, e sim uma pessoa. Jesus é o seu nome.

“Sei o que é passar necessidade e sei o que é ter fartura. Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação, seja bem alimentado, seja com fome, tendo muito, ou passando necessidade. Tudo posso naquele que me fortalece.” 

Filipenses 4:12-13

4 comentários sobre “

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s