COMPARAÇÃO

Constantemente nos encontramos olhando fotos de famosos. A vida que está a mostra no Instagram parece mais interessante do que a nossa própria vida. Por alguns instantes, até mesmo imaginamos como seria bom ter tudo o que o outro tem, ou fazer o que o outro faz. Alguns vão até mais longe, imaginando como seria ser o outro. Passamos horas pesquisando tudo sobre alheia, damos nossos pitacos, fazemos nossas próprias conclusões da vida dos outros. É como se tivéssemos no “pause” da nossa realidade.

A parte mais difícil é quando o “play” acontece, pois enfrentar a realidade depois parece sem graça. Nosso corpo parece mais feio, nossos talentos parecem pequenos e nossas vidas parecem…comuns.

Revistas, influenciadores, blogs, tendências. O bonito é definido. O sucesso é prescrito. O diferente é previsto. Mas, enquanto a sociedade grita comparação, Deus está sussurrando aceitação.

Não me entenda mal: é claro que precisamos escolher os nossos exemplos e pessoas para nos inspirarmos. O perigo é quando a admiração se torna comparação, invadindo o seu espaço, a sua vida e o que você pensa sobre você mesmo. Nunca deixe a vida de alguém ser mais desejada por você do que a sua própria. Enquanto olhamos para fora, esquecemos do que temos dentro.

Não perca a sua essência tentando copiar alguém enquanto você mesmo não se conhece completamente. Ao invés de montar-se como uma outra pessoa, treine-se a gostar mais de si mesmo. Deus não nos fez iguais de propósito.

A comparação pode roubar a paz, trazer orgulho enganoso ou nos perturbar com uma inveja desnecessária. Cuidado, não é sobre o que você pode ter, mas sim sobre quem você é e o que você tem feito com isso. Na parábola bíblica, o homem que devolveu seu único talento, errou por tê-lo guardado e não usado. Não importa o que os outros estão fazendo, mas comece a usar aquilo que você tem. Enquanto você olha para o mundo, o mundo está esperando para ver você.

Se quiser se comparar com alguém, apresento-lhe Jesus. Ele é o único de quem precisamos ser imitadores. Deus nos deu um modelo perfeito exatamente para não perdermos tempo com os outros. Um modelo que consegue ser inatingível e real ao mesmo tempo. Jesus nos instiga a sermos melhores e nos mostra como encontrar o nosso melhor.

Não se compare com os outros, se destaque. Não perca tempo com a vida alheia, concentre-se na sua. Deus lhe criou não para ser uma cópia, não para ser um rascunho ou uma versão, mas para ser uma única peça, em constante construção e sempre original.

“Cada um examine os próprios atos, e então poderá orgulhar-se de si mesmo, sem se comparar com ninguém, pois cada um deverá levar a própria carga.”  Gálatas 6:4-5 

6 comentários sobre “

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s