DIREÇÃO

Lembro do meu irmão dizendo que iria ser astronauta. Suas prateleiras eram cheias de miniaturas de foguetes. Seu filme favorito era Star Wars e seu passeio favorito era para a NASA. Depois ele mudou e disse que seria jogador de basquete. Como irmã mais nova, acreditava em tudo o que ele falava. “Meu irmão vai ser um astronauta jogador de basquete.” 

Também tive minhas fases, claro. Quando era nova dizia que iria ser veterinária, mesmo com os meus pais me negando ter um cachorro Eu tinha uma coleção de bichinhos de pelúcia e cuidava de todos eles. Depois, resolvi ser professora. Fazia uma fileira com as minhas bonecas e dava aula para todas elas. Então, quando jovem, resolvi que iria ser bióloga marinha. Esse seria meu futuro.

Ao longo da nossa vida, fazemos diversos planos. Alguns se realizam e outros não. Eles vão se adaptando à nossa fase de crescimento, ao local que moramos, e às pessoas com quem nos relacionamos. 

Quando pequenos, o nosso conhecimento do mundo é limitado, então nos imaginamos fazendo aquilo que nós temos interesse, copiamos alguém que vimos na televisão ou um parente que admiramos. Na adolescência queremos descobrir quem nós somos, o que realmente gostamos. Construímos planos que possam, de alguma forma, combinar com a nossa identidade. Na fase adulta, começamos a ter mais responsabilidades e os planos ficam mais detalhados, complexos, com valores e prazos de validade.

A verdade é que estaríamos mentindo se disséssemos que conseguimos realizar todos os nossos planos ou até mesmo metade deles. Aprendi que quando vivemos com Deus, está tudo bem não dar um “check” do lado de um sonho. Quando temos Deus, os nossos planos pessoais se tornam pequenos. O mais importante são os planos que Ele tem para a nossa vida. 

Deus é o único que sabe aquilo que eu realmente quero fazer.  Ele sonda os desejos do meu coração. Ele também é o único que consegue me dar algo que vai encaixar perfeitamente com a minha identidade, pois o seu Espírito me conhece. Ele é o único que vai conseguir entender aquilo que acho complexo.  Ele é o Criador de cada detalhe.

Não fique frustrado se você não está onde você queria estar. Ou se você, como eu, imaginava a sua vida bem diferente (eu pensava que estaria estudando golfinhos e convivendo com penguins). Deus é um Deus de surpresas. Quando entregamos o controle, Ele faz questão de sentar no banco do motorista e nos guiar pelo melhor e mais surpreendente caminho. 

Não precisamos andar ansiosos, Deus nunca faz de menos ou demais. Ele faz tudo na medida e na hora certa. Não perca seu tempo tentando mudar o mapa ou tentando explicar a direção para Ele. Faça o seu melhor, sente no banco do carona e aproveite a viagem.

“Muitos são os planos no coração do homem, mas o que prevalece é o propósito do Senhor” Provérbios 19:21 (NVI)


DIRECTION

I remember my brother saying he was going to be an astronaut. His shelves were full of miniature rockets. His favorite movie was Star Wars, and his favorite ride was NASA’s. Then, he changed and said he would be a basketball player. As the younger sister, I believed everything he said. “My brother is going to be a basketball player astronaut.”

I also had my phases, of course. When I was young, I said I was going to be a vet, even though my parents denied giving me a dog. I had a collection of stuffed animals and took care of them all. Then, I decided to be a teacher. I used to make a row with my dolls and teach them all. So, when I was a teenager, I decided that I was going to be a marine biologist. That would be my future.

Throughout our lives, we make several plans. Some come true, and some don’t. They adapt to our growth phase, where we live, and the people with whom we relate. When we are a child, our knowledge of the world is limited. We imagine ourselves doing what we are interested in, or we copy someone we saw on television or a relative we admire. As teenagers, we want to find out who we are, what we really like. We build plans that can somehow match our identity. In adulthood, we begin to have more responsibilities, and the plans become more detailed, complex, with values ​​and expiration dates.

The truth is that we would be lying if we said we accomplished all our plans or even half of them. I learned that when we live with God, it’s okay not to mark “check” on the side of a dream. When we have God, our personal plans become small. His plans become more important in our lives.

God is the only one who knows what I really want to do. He searches the desires of my heart. He is also the only one who can give me something that will perfectly fit my identity because his Spirit knows me. He is the only one who can understand what I find complicated, He is the Creator of every detail.

Do not be frustrated if you are not where you wanted to be. Or if you, like me, imagined your life quite differently (I thought I was be studying dolphins and living with penguins right now). God is a God of surprises. When we hand over control, He sits in the driver’s seat and guide us along the best and most fantastic journey.

We don’t have to be anxious, God never does too little or too much. He does everything on time. Don’t waste your time trying to change the map or trying to explain the direction to Him. Do your best, sit on the passenger seat and enjoy the ride.

“Many are the plans in a person’s heart, but it is the Lord’s purpose that prevails.” Proverbs 19:21 (NIV)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s